CEM e Editora Unesp lançam: As políticas do urbano em São Paulo

 

São Paulo é uma metrópole com números e dados de dimensões superlativas: 6% da totalidade da população brasileira distribuída por um tecido urbano de 317 milhões de metros quadrados. E, nesse gigantismo, os problemas se acumulam: déficit habitacional de 600 mil moradias, geração de 20 mil toneladas de resíduos sólidos por dia – só para ficar em alguns. Na tentativa de pensar caminhos urbanísticos para a capital paulista, Eduardo Marques organizou As políticas do urbano em São Paulo, livro da Editora Unesp que será lançado na Livraria da Vila (Rua Fradique Coutinho, 915, Vila Madalena), no dia 19 de dezembro, às 19h, com a presença do autor e discussão sobre as ideias e contribuições apresentadas na publicação. “Entender o que leva políticas centrais para o funcionamento da cidade e para a vida dos cidadãos é o tema deste livro”, anota.

Ao longo de 13 capítulos divididos em duas partes (a primeira parte com quatro capítulos e temas mais abertos, de natureza transversal; a segunda, sobre políticas específicas), o time de especialistas do Centro de Estudos da Metrópole da Universidade de São Paulo percorre a metrópole em busca de soluções: habitação, governança do orçamento público, política municipal, eleições e formação de governo, limpeza urbana, trânsito, grandes projetos urbanos e o desenho das linhas do metrô, por exemplo, são examinados dessa perspectiva. “Embora não tenhamos a pretensão de construir uma teoria unificada da política do urbano (ou do urbano como um todo), inclusive pela complexidade das combinações entre os elementos em diferentes políticas e cidades, é possível acumular conhecimento caminhando de forma parcimoniosa na direção de generalizações sobre o tema. Essa é a ambição central deste livro”, sublinha Marques.

Questões como por que modificações no formato das políticas são feitas, como e por quem; quais atores – internos e externos ao Estado – participam e com que debate público e conhecimento dos cidadãos; de que forma as mudanças seguem racionalidades técnicas e/ou interesses específicos e particularistas; de que forma as mudanças expressam elementos internos a um setor de política específico e o quanto se associa a dinâmicas compartilhadas por vários setores, são debatidas na obra, para responder, em sentido mais amplo, quais elementos, atores e processos influenciam a produção das políticas nas cidades em uma direção ou em outra. Para tanto, o conjunto de textos analisa as políticas públicas responsáveis pela construção, pela manutenção e pelo funcionamento da maior metrópole brasileira e sul-americana – São Paulo – desde a redemocratização.

Sobre o organizador - Eduardo Cesar Leão Marques é mestre em Planejamento Urbano e Regional (Ippur/UFRJ) e doutor em Ciências Sociais (IFCH/Unicamp). É professor titular do Departamento de Ciência Política (DCP/USP) e pesquisador do Centro de Estudos da Metrópole (CEM).

 

Título: As políticas do urbano em São Paulo
Organizador: Eduardo Marques
Número de páginas: 404
Formato: 16 x 23 cm
Preço: R$ 74,00
ISBN: 978-85-393-0750-0


Contatos para imprensa:
Centro de Estudos da Metrópole (CEM)
Janaína Simões – janainaasimoes@gmail.com / contato@centrodametropole.org.br
(11) 3091-2097

Fundação Editora da Unesp:
Pluricom Comunicação Integrada®
Katia Saisi – katiasaisi@pluricom.com.br
Fone (11) 3774-6463

Licença Creative Commons
Este site do Centro de Estudos da Metrópole está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional
Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://centrodametropole.org.br/