Pesquisa sobre trabalho e procura de emprego
"A experiência da procura de trabalho: interações, vivências e significados", de Priscila Faria Vieira, 2013, Ed. Annablume/CEM: Fapesp/CNPq, 284 páginas. 
 
Fruto de pesquisas realizadas no âmbito do CEM/INCT/CEPID, este livro investiga a procura de trabalho por meio de instituições do mercado de intermediação. Para desenvolver a análise a autora assume que a busca de emprego não pode ser reduzida a um fenômeno econômico, baseado no cálculo racional, que une ofertantes e demandantes de vagas; nem pode ser tratada apenas como um indicador estratégico para caracterizar a situação de desemprego, como o faz uma certa sociologia. 
 
Ao contrário, o livro apresenta ao leitor que a busca de emprego é uma experiência social, moral e subjetiva e que, nesse sentido, é fundamental entender os processos de interação que se dão na situação em que ela transcorre, bem como a forma como ela é vivenciada no cotidiano pelos demandantes de trabalho. A análise se baseia em um estudo empírico de tipo qualitativo conduzido, entre 2005 e 2009, na região da Rua Barão de Itapetininga, no Centro de São Paulo, o principal espaço de concentração de agências de emprego da Região Metropolitana, ela mesma o maior mercado de intermediação no Brasil. Observação de tipo etnográfico, entrevistas com os agentes envolvidos na situação e análise de material documental foram as técnicas mobilizadas na análise. 
 
O livro foi lançado no final de abril e está disponível nas principais livrarias.
Licença Creative Commons
Este site do Centro de Estudos da Metrópole está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional
Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://centrodametropole.org.br/